ARTIGOS

> RESUMO DE ARTIGOS CIENTÍFICOS E TEXTOS SOBRE NUTRIÇÃO
< voltar
Qualidade do sono e controle alimentar 11-ago-2012

 

A restrição do sono leva a um aumento na ativação de regiões cerebrais relacionadas à sensibilidade ao estímulo alimentar.
 
 
Evidências mostram um aumento na obesidade quando há uma redução no tempo de duração do sono entre americanos. Embora alguns estudos já propuseram que um sono restrito afeta hormonios relacionados ao apetite, a atividade neuronal em resposta ao estimulo do alimento após um sono restrito ou habitual nunca foi investigado.
 
O objetivo deste estudo foi determinar os efeitos da restrição parcial do sono na ativação neuronal em resposta ao estímulo de alimentos.
 
30 participantes saudáveis participaram do estudo (26 completaram) e foram encaixados em um dos grupos:  4h de sono(sono restrito) e 9h de sono (sono normal). Cada fase teve duração de 6 dias e ao final do estudo foram submetidos à ressonancia magnetica para avaliação.
 
A atividade neuronal geral em resposta ao estimulo alimentar foi maior após um sono restrito quando comparado ao sono normal. 
 
Os resultados deste estudo relaciona a restrição do sono e susceptibilidade ao estimulo alimentar  e são consistentes com a noção de que a redução do sono aumenta a propenção da alimentação excessiva.
 
 
 
Qualidade do sono e controle alimentar
Fonte:
Sleep restriction leads to increased activation of brain regions sensitive to food stimuli.Am J Clin Nutr. 2012 Apr;95(4):818-24. Epub 2012 Feb 22.